Terça, 17 de Outubro

ÚLTIMAS :

Jorge Pereira recandidata-se pelo Partido Socialista à Junta de Freguesia de Nespereira

segunda, 24 abril 2017 20:37 //

O Partido Socialista de Guimarães vai recandidatar Jorge Pereira à Presidência da Junta de Freguesia de Nespereira no próximo ato eleitoral autárquico, marcado para o dia 01 de outubro. A cumprir o seu primeiro mandato, um dos principais objetivos da recandidatura é «dar continuidade e sustentabilidade ao projeto ambicioso que começou há quatro anos e que precisa de ser prosseguido», diz.

Licenciado em Engenharia e Pós-graduado em Higiene e Segurança no Trabalho, o candidato do PS, de 53 anos, tem a missão de governar atualmente Nespereira, realizando um percurso político iniciado pelo pai, que liderou os destinos da freguesia durante 20 anos. No âmbito associativo, entre outras instituições, Jorge Pereira foi Presidente da Associação Cultural Recreativa e Desportiva de Nespereira entre 2010 e 2014.

No atual mandato, entre as várias obras efetuadas, destacam-se as intervenções no edifício sede da Junta de Freguesia que permitiram o alargamento do horário de expediente dos serviços da Junta, bem como a instalação dos serviços do Espaço de Cidadão, o posto de CTT-Correios de Portugal, Balcão Único Municipal e do GIP-Gabinete de Inserção Profissional do IEFP.

«Ao longo dos últimos 4 anos, é unânime reconhecer que se assistiu, em Nespereira, a um novo despertar das suas gentes para as diversas áreas da cidadania. É prova disso o trabalho fantástico que vem sendo desenvolvido, num esforço conjunto e concertado com as diversas associações e instituições da freguesia, do desporto à cultura, da educação ao lazer», enumerou Jorge Pereira.

«Sem nunca descurar as necessidades básicas da população, construiu-se um projeto moderno, inclusivo e aglutinador que tem promovido o progresso e o salutar desenvolvimento desta terra e destas gentes, que importa continuar. Hoje, Nespereira readquiriu a preponderância e a centralidade que outrora teve no contexto concelhio e assume-se como uma freguesia de referência, capaz de se impor como polo aglutinador de toda esta sub-região», concluiu.


Share

TESTEMUNHOS

  • fernanda mendes

    "Não têm havido cheias na Zona de Couros, depois de construídas as bacias de retenção. Foi uma obra necessária que cumpriu o objetivo e um desejo antigo dos moradores." (Fernanda Mendes, 49 anos, São Sebastião)

VER MAIS

FACEBOOK